Fotografia (de paisagem) e suas regras que eu não seguia.

Peço desculpas pelo tamanho desse artigo, ele não é tão pequeno como gosto. Acredito que valha a pena ler.

A vida é cheia de regras, algumas agente segue, outras não. A fotografia não é diferente, cheia de regras, algumas agente segue, outras não. Para um amante das paisagens, confesso que faz tempo que venho quebrando várias e isso poderia até ser bom; mas até para quebrar uma regra é preciso critério. Resolvi seguir algumas.

Hora certa.

Faz um bom tempo eu sei que para esse tipo de foto há dois momentos considerados áureos, o amanhecer e o entardecer. No meu caso, por motivos escusos, só conhecia o entardecer. Isso foi verdade até o dia 26 de agosto de 2012 quando, depois de enumeras tentativas frustradas resolvi acordar às 5 horas da madruga para ver o sol nascer. Às 5h30 já estava fotografando, um feito. O resultado foi maravilhoso, acordar cedo em pleno domingo tem um prazer que até então desconhecia. Fotografar esse espetáculo é outra dádiva da vida.

Câmera

Sempre acreditei que a câmera faz uma parte muito pequena no ato de fotografar, em parte isso é verdade, no entanto, existe ferramenta certa para cada trabalho logo, ter a câmera mais cara do mercado não faz de alguém um fotógrafo, mas, pode ser fundamental para este em seus intentos. Foi pensando nisso, após possuir câmeras de entrada por uns 05 anos e fazer muita foto boa com elas, resolvi investir em um equipamento profissional. A queridinha Canon 5D Mark II enfim entrou em minha vida, juntamente com ela, uma lente ultra grande-angular, Canon EF 17-40, f4 L, outro sonho.

Formato RAW

As câmeras digitais capturam imagens em um formato muito conhecido de todos, o JPG. No entanto, já faz um tempo que a maioria também permite essa captura em RAW (se pronuncia “ró”). O problema é que enquanto um arquivo hipotético em JPG tem 05 Megas o RAW fica com 15 ou 20. Isso é um problema, ocupa muito espaço no HD além de precisar de um bom computador e, a parte mais “chata” que na verdade é o seu diferencial: o arquivo não vem pronto para uso. Isso significa que ao abri-lo no PC funciona como um negativo. É preciso realizar um processo semelhante uma revelação, e só depois salvar em um formato de sua preferencia, que pode ser o JPG.

Porque esses arquivos são tão grandes? Simples, a quantidade de informações capturadas são muito maiores, permitindo que durante a “revelação” do arquivo se consiga realizar inúmeros ajuste que não seriam possíveis no JPG. Errou no balanço de branco, exposição não ficou como queria…

Adobe Ligthroom

Existem alguns bons programas no mercado que os fotógrafos usam e um deles é o Ligthroom que permite a abertura de arquivos RAW e tem todo um método de trabalho que por simples preguiça, não usava. Em sua ultima versão permite a confecção de fotolivros em parceria com o Blurb. Muito interessante.

Abaixo, duas imagens para ilustrar as novas regras.

A imagem acima registra o nascer do sol referido no início do artigo mas, observo que a imagem não traduz o que realmente vi naquele momento único. O céu ficou praticamente sem informações e o tronco da árvore ficou escuro demais. Não foi isso que eu vi. Agora observe abaixo a quantidade de informações presentes na imagem.

Conhecimento

Essa regra nunca ousei quebrar. Acredito que eu estude mais sobre fotografia do que realmente fotografo. Isso não me torna um fotógrafo, mas penso que estou evoluindo.

Se houver curiosidade sobre metadados, favor perguntar.

Boas fotos a todos.

Anúncios

5 comentários Adicione o seu

  1. isaias disse:

    Hummm… muito interessante! E me surpreendi quanto ao horário que efetuou o trabalho… realmente me impressionou! 😉 Parabéns brother…

    Curtir

    1. Valeu garoto. Estou te esperando para animar acordar cedo.

      Curtir

  2. celso disse:

    É até que as fotos ficarma boas . KKKKKK Seu aluno de fotografia Celso Rios com muito respeito.

    Curtir

    1. Fala meu caro amigo Celso Rios. Obrigado pelo apoio e não se esqueça da 50 mm. Compre essa bobagem logo e se surpreenda.

      Curtir

  3. Diego Macedo disse:

    Cara, muito legal seu blog (site) sobre fotografia. Tb sou cirurgiao-dentista e achei muito legal as informacoes sobre fotografia. Tou comecando a fotografar agora e as dicas tao sendo bem uteis!! Parabens!!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s